Acidente mata comandante do Grupo Rodoviário

Notícia atualizada em 05.02.11, às 10h49min

A comunidade de Farroupilha presta neste sábado, dia 5, as últimas homenagens ao Sargento Carlos Alberto Guimarães da Silva, comandante do Grupo Rodoviário da Brigada Militar do município. Ele foi vítima de um acidente de trânsito na tarde da última sexta-feira, dia 4. O velório acontece na comunidade de Caravaggio, onde ele residia. O sepultamento está marcado para as 16h no mesmo local.

Segundo os policiais do Grupo Rodoviário, o Sargento Guimarães, como era conhecido, tinha 46 anos de idade. Ele morreu em serviço, depois de colidir a viatura Blazer na traseira de um caminhão com placas de Guaíba e Novo Hamburgo (semi-reboque) carregado com um contâiner no quilômetro 50 da ERS-122, entre as localidades de linha Boêmios e Nova Milano. Ele retornava de um trabalho de escolta ao ônibus do time da SER Caxias, que se deslocou a Porto Alegre, onde joga neste final de semana contra o Grêmio. No momento do acidente, que ocorreu por volta das 15h30min, Guimarães estava acompanhado por outro colega que seguia em uma segunda viatura alguns metros a frente.

Guimarães chegou a ser socorrido, mas não resistiu aos ferimentos. A ausência de marcas de frenagem na pista indicam, segundo policiais do Grupo Rodoviário, que o comandante possa ter sofrido algum tipo de mau súbito, uma vez que conhecia bem a estrada. Em virtude do acidente, o trânsito ficou lento no local durante a tarde. A falta de acostamento em boa parte da via e o óleo que ficou espalhado na pista após a colisão também dificultou o fluxo de veículos. A passagem de veículos foi totalmente liberada no final da tarde.

Natural de Santa Maria, Guimarães tinha uma filha já adulta.

Greice Scotton

Siga o SerraNossa!

Twitter: http://www.twitter.com/serranossa

Facebook: Jornal SerraNossa

Orkut: http://www.orkut.com.br

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.