Alec Baldwin dispara em set de filmagem e diretora de fotografia morre

A diretora de fotografia Halyna Hutchins morreu e o diretor Joel Souza ficou ferido nesta quinta-feira, 21/10, quando o ator norte-americano Alec Baldwin disparou uma arma cenográfica em um set de filmagem no Novo México, disseram autoridades. Baldwin baleou Hutchins, diretora de fotografia do filme Rust, e Joel Souza, o diretor do filme, no Rancho Bonanza Creek, instalação de produção ao sul de Santa Fé, de acordo com o Departamento do xerife da cidade.

Hutchins foi transportada de helicóptero ao Hospital da Universidade de Novo México, onde foi declarada morta. Souza foi levado de ambulância ao Centro Médico Regional Christus St. Vincent Medical para ser tratado dos ferimentos, cuja gravidade não pode ser determinada de imediato.

Em um post no Twitter, o ator comentou a morte. “Não há palavras para expressar meu choque e tristeza em relação ao trágico acidente que tirou a vida de Halyna Hutchins, esposa, mãe e nossa colega profundamente admirada. Estou cooperando totalmente com a investigação policial para resolver como essa tragédia ocorreu”, escreveu ele.

Baldwin foi visto “angustiado e em prantos” ao falar ao telefone diante da sede do gabinete do xerife no mesmo dia, relatou o Santa Fe New Mexican.

O ator de 63 anos é coprodutor de Rust, um faroeste que se passa no Kansas dos anos 1880, e interpreta o personagem que dá título ao filme, um avô fora da lei de um menino de 13 anos condenado por uma morte acidental.

A produção do filme está suspensa por “período indeterminado”, disseram vários veículos de notícias citando a produtora, Rust Movie Productions LLC.

O acidente ressuscitou um debate sobre se certos tipos de arma cenográfica deveriam ser proibidas.

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.