Após perseguição em alta velocidade, criminoso é encontrado escondido dentro de uma lixeira em Porto Alegre

Imagens: PRF-RS

Na tarde deste sábado, 23/10, a Polícia Rodoviária Federal (PRF) e a Brigada Militar (BM) prenderam dois integrantes de uma quadrilha especializada no furto de caminhonetes. Eles estavam com equipamentos utilizados para arrombar e dar a partida nos veículos burlando os sistemas de alarme e proteção do veículo.

Em uma ação com a participação do serviço inteligência da PRF, os policiais deram ordem de parada ao motorista de um Prisma que deslocava pela BR-290 próximo à Arena do Grêmio, em Porto Alegre (RS). Ele desobedeceu e iniciou uma fuga em alta velocidade.

Os policiais iniciaram perseguição com as sirenes ligadas para alertar a população do risco que os criminosos geravam e solicitaram apoio de outras equipes da PRF e da Brigada Militar. Após colidir o carro, passar por cima de canteiros e furar sinais vermelhos, já no bairro Bela Vista, os criminosos subiram com o carro na calçada e fugiram a pé.

Um deles foi preso pela PRF logo que saiu correndo do veículo, enquanto o outro foi encontrado pela BM escondido dentro de uma lixeira. Durante a fuga, foi arremessada uma bolsa com ferramentas utilizadas para arrombamento de carros, miolos de ignição e módulos de injeção eletrônica de caminhonetes. Com o material, os criminosos conseguem arrombar, dar a partida e rodar com os veículos burlando os sistemas de alarme e proteção do veículo.

Os homens, um de 47 anos, de Sapucaia do Sul, com ocorrências por furto de veículo, tráfico e corrupção, e o outro de 33, de Porto Alegre, com ocorrências por roubo, furto e receptação de veículo, ambos com passagens no sistema prisional, foram presos e conduzidos para a delegacia. O carro e os equipamentos foram apreendidos.

Veja o vídeo:

1 comentário
  1. Consuelo Diz

    Quantos CPF’s precisam urgentemente serem cancelados, seriam um economia sem tamanho para nós que trabalhamos honestamente e pagamos impostos.

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.