As sete quedas do envelhecimento

Envelhecer significa vivenciar milhares de sentimentos e experiências ao longo dos anos, entre elas, as mudanças que ocorrem em nosso corpo. Nos últimos anos cresceram os estudos em torno do tema envelhecimento e principalmente sobre como torná-lo mais lento com qualidade de vida.

Sabemos da importância da prática de atividade física em nossas vidas, da necessidade de dormir no mínimo sete horas e meia para regeneração dos nossos tecidos, da importância da ingestão de líquidos e principalmente de uma boa alimentação, tudo isto a fim de contribuir para um envelhecimento mais saudável. Na área da estética, além de todos estes princípios básicos que são trabalhados, também são abordados procedimentos que tentam minimizar as marcas deixadas pelo envelhecimento natural da nossa pele, entre as quais estão as “Sete quedas do envelhecimento” ou “Sete quedas centrípetas da face”.

Essas quedas ocorrem naturalmente com o passar dos anos devido ao envelhecimento natural de nossa pele, fazendo com que ocorra uma diminuição do volume facial diante da diminuição da produção de ácido hialurônico e colágeno, além da perda dos coxins de gordura da face, ocasionando essas quedas.


A primeira delas é a queda do complexo frontal, a testa, onde as sobrancelhas caem abaixo do rebordo orbitário, apresentando o chamado olho triste. A segunda se manifesta pela queda do complexo da pálpebra superior sobre os cílios, fazendo com que a pele fique em cima dos olhos. A queda do complexo da pálpebra inferior, classificada como a terceira, promove o aparecimento das olheiras e do sulco nasojugal, caracterizado pela linha do cansaço. E o famoso “bigode chinês”? Classificado como a quarta queda, ocorre pela queda da bochecha formando o sulco nasogeniano.

E as famosas marionetes? Já ouviram falar? Elas surgem a partir da quinta queda, pela queda do canto da boca, deixando o sorriso triste. Ainda temos a sexta, caracterizada pela queda do platisma, músculo do pescoço, alterando assim a linha da mandíbula também conhecida como linha da juventude. A sétima queda percebida ocorre pela queda da ponta do nariz, afetando a chamada barra central da beleza.

Mas o melhor é saber que todas estas quedas que fazem parte da nossa vida podem ser amenizadas com tratamentos preventivos tornando assim o envelhecimento dessas regiões mais lento. Para isso existem alguns recursos que trazem benefícios significativos para nossa pele, entre eles está o uso dos bioestimuladores de colágeno, o uso preventivo da toxina botulínica, o uso do protetor solar entre outros recursos excelentes que podem ser utilizados. Portanto, procure um profissional habilitado e se informe mais sobre estes benefícios, que irão tornar sua pele mais jovem e saudável.

Apoio: