Aulas da rede municipal serão suspensas nesta terça e quarta em Bento

Um dos resultados da reunião do Gabinete de Crise ocorrido na tarde desta segunda-feira, dia 28, foi a decisão de suspender as aulas da rede municipal de ensino em Bento Gonçalves nesta terça e quarta, dias 29 e 30 de maio. O pedido foi feito por parte da secretaria de Educação e do Sindicado dos Servidores Públicos Municipais (Sindiserp) pois muitos professores e funcionários não estavam conseguindo deslocar-se até as escolas. Embora as empresas de transporte coletivo estejam operando nos horários de maior movimento, muitos servidores vêm de outros municípios ou trabalham com outras escalas de horário em função da jornada de 6 horas. Nesta segunda, dez escolas tiveram problema da falta de funcionários. A informação é que para esta terça, outras seis também sentiriam o mesmo problema. 

O Gabinete de Crise foi criado para avaliar os desdobramentos decorrentes da greve dos caminhoneiros e decidir sobre ações necessárias, a fim de minimizar os efeitos a população. Devem ocorrer convocações diárias até que a situação se normalize no país. Participaram do grupo representantes do Poder Público, Hospital Tacchini, empresas de transporte coletivo, 16ª Coordenadoria Regional de Educação, Sindiserp, Sindicato das Empresas de Transportes de Cargas de Bento Gonçalves (Sindibento), Defesa Civil e 6º BCOM.

Dois caminhões-tanque estão vindo a Bento Gonçalves com combustível. Serão 15 mil litros de gasolina, 5 mil litros de etanol, 10 mil litros de diesel para serviços essenciais e 30 mil litros de diesel para as empresas de transporte coletivo. "Esse combustível não será disponibilizado para o cidadão", salienta o secretário de Segurança, José Paulo Ihanke  Marinho.

Água

Até sexta-feira, dia 1º de junho, a Corsan garante água tratada. Por isso o Gabiente de Crise irá articular a vinda dos insumos com escolta, o que garantirá a potabilidade da água por mais 15 dias, o que também é necessário para o funcionamento do serviço de hemodiálise no Hospital Tacchini. 

Licitações 

As três licitações que estavam marcadas para esta semana foram cancelas. Conforme o procurador-geral do município, Sidgrei Spassini, empresas já haviam feito contato de que não conseguiriam deslocar-se até o município para participar da concorrência. O risco era que o processo restasse deserto, sendo necessário refazer todo o trâmite. 

Coleta de lixo

O serviço segue mantido, uma vez que os caminhões estão deslocando-se até São Leopoldo e  não mais até Minas do Leão. 

Trânsito

O Departamento Municipal de Trênsito (DMT) suspendeu patrulhamentos de rotina e ações como Balada Segura. 

Transporte coletivo

Bento e Santo Antônio atuarão com horário reduzido nesta terça-feira, dia 29. Com a reserva atual há a garantia do serviço até esta quarta. Com a chegada de diesel para as empresas a estimativa é que, com redução de horários seja possível operar por mais cinco dias. Os horários dos demais dias serão informados ao longo da semana. 

Saúde

Há estoque de combustível para garantir o funcionamento das ambulâncias. A secretaria de Saúde suspendeu serviços de visita domiciliar das Estratégias de Saúde da Família (ESFs) e demais atividades como grupos realizados nas Unidades Básicas de Saúde (UBSs) e ações das vigilâncias. Além disso, estão sendo feitos ajustes na escala de trabalho, em razão de profissionais que vêm de outros municípios. Há estoque de medicamentos suficientes para mais alguns dias. De acordo com o secretário, Diogo Segabinazzi Siqueira, como o município tem diferentes fornecedores, há dificuldade em conseguir novas remessas até o momento. O estoque de oxigênio é suficiente para mais uma semana e novas cargas estão sendo providenciadas. 

No Hospital Tacchini as cirurgias eletivas estão suspensas nesta terça e quarta-feira. Para a quimioterapia há drogas para o atendimento até o dia 6 de junho. Estão sendo tomadas medidas internas para racionamento de alimentos, priorizando pacientes. 

 

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.