Bento desobriga uso de máscaras também em locais fechados

Novo decreto foi publicado na tarde desta segunda-feira, 21/03. Exceção vale para transporte coletivo, estabelecimentos da área da saúde e casas de repouso

A prefeitura de Bento Gonçalves publicou nesta segunda-feira, 21/03, o Decreto 11.360, que retira a obrigatoriedade do uso de máscaras em ambientes abertos e fechados (públicos e privados). Anteriormente a prefeitura já havia liberado a não utilização da proteção individual em locais abertos.

O uso da máscara de proteção individual permanece obrigatório em Instituições de Longa Permanência; para pessoas com maior vulnerabilidade em uso de imunossupressores, que estejam realizando tratamento oncológico e com doenças crônicas descompensadas; para pacientes com sintomatologia gripal; em estabelecimentos destinados à prestação de serviços de saúde; e no transporte coletivo.

A ação segue a recomendação da Associação dos Municípios da Encosta Superior do Nordeste (Amesne).

Bento tem atualmente 91% da população vacinável – maiores de 5 anos – com esquema completo, além de estar apresentando queda nos índices de contaminação e internação hospitalar.

“Estivemos nos últimos dias analisando os dados e estudando o cenário de queda nas internações e contaminações, o que nos permite, seguindo a recomendação da Amesne, tomar essa decisão e desobrigar o uso de máscaras na cidade. Seguiremos analisando o cenário, e reforçando a importância de completar a imunização”, destaca o prefeito Diogo Segabinazzi Siqueira.

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.