Bento passa a contar com ambulância intermediária de atendimento

Viatura conta com equipamentos médicos e três socorristas, sendo um enfermeiro, a fim de oferecer um suporte a mais nas ocorrências diárias de acidentes

Neste mês de março o SAMU de Bento Gonçalves passou a contar com uma viatura intermediária de atendimento, resultando num suporte a mais nas ocorrências diárias envolvendo acidentes. No sistema intermediário, a viatura possui equipamentos médicos e três socorristas, sendo um enfermeiro. Atualmente, a equipe do SAMU conta com 10 técnicos, 8 enfermeiros, 13 médicos e 14 condutores.

A Coordenadora do SAMU, Melissa Bonato, explica sobre as vantagens oferecidas com a viatura intermediária: “destinada ao atendimento dos pacientes críticos na ausência do Suporte Avançado de Vida, a intermediária busca associar as competências profissionais às necessidades dos pacientes de maior complexidade, permitindo a realização de práticas avançadas e medicações, sob orientação da Central de Regulação das Urgências (CRU), pois conta com enfermeiro que é capacitado para fazer uma avaliação mais criteriosa da vítima, além de procedimentos invasivos que o técnico não pode fazer”.

A coordenadora destaca ainda que “o suporte intermediário de vida visa suprir o vazio assistencial que existe entre os serviços básico e avançado, oferecendo maior resposta aos pacientes críticos. A viatura tem mais medicações e materiais complexos do que a básica, dando a possibilidade para procedimentos mais invasivos”.

A secretária da Saúde, Tatiane Misturini Fiorio, destaca sobre a nova modalidade de atendimento do SAMU.“A gente qualifica ainda mais o nosso serviço de atendimento de urgência e emergência. Bento já foi pioneiro quando instalou a regulação remota do SAMU, o que reduziu o tempo resposta de atendimento no município, e agora estamos mais uma vez inovando com a equipe intermediária dando mais uma possibilidade de atendimento para as pessoas que precisam nas ocorrências que têm necessidade”.

O reconhecimento do suporte intermediário de vida

Em fevereiro foi publicada a resolução 688/2022 do Conselho Federal de Enfermagem (COFEN), reconhecendo o suporte intermediário de vida do SAMU e possibilitando que os municípios de todo o país tenham essa opção de atendimento. Bento Gonçalves é o primeiro município do Estado a oferecer essa modalidade, e também está entre os primeiros do país.

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.