Bento registra procura por vacina 20% abaixo do estimado

Bento Gonçalves foi um dos primeiros municípios gaúchos a alcançar a faixa etária dos 18 anos na vacinação contra a COVID-19, imunizando 1.662 pessoas entre 18 e 19 anos na sexta-feira, 20/08, na Fundaparque. Com essa fase, o município chegou a 84.850 pessoas vacinadas com a primeira dose e com dose única. Desses, 31.414 já receberam a segunda dose. Mesmo assim, o número de pessoas que ainda não buscaram se imunizar é significativo no município. Conforme informações da secretaria de Saúde, a procura pelo imunizante foi cerca de 20% menor do que o esperado, “com baixa em praticamente todas as faixas etárias”, relata a secretária Tatiane Fiorio. 

A ausência na vacinação também é percebida na aplicação da segunda dose, mas em menor escala. Em média, cerca de 350 pessoas estão com a segunda dose atrasada em Bento. “Estamos fazendo busca ativa e chamada para vacinar no Espaço do Idoso [bairro Progresso] e na UBS Zona Sul”, reforça. Quanto às segundas doses ainda dentro do prazo, cerca de 52 mil pessoas aguardam a aplicação no município, a qual deverá ser feita ao longo das próximas semanas e meses, conforme o intervalo estipulado para cada imunizante.

Fora da população adulta, Bento Gonçalves já vacinou 427 adolescentes com comorbidades. O número também não evidencia o total dessa população estimada, mas a secretária garante que o dado representa uma grande parte desse grupo. A vacinação liberada para esse público no país é a Pfizer.

Os demais adolescentes de 12 a 17 anos sem comorbidades ainda não estão sendo vacinados no município. Apesar de algumas cidades como São Paulo, Rio de Janeiro e o Distrito Federal já estarem aplicando o imunizante nesse público, a secretária de Saúde de Bento afirma que essa etapa ainda não foi oficializada pelo Ministério da Saúde. “Não temos a oficialização sobre a vacinação dos adolescentes, então seguiremos aplicando a Pfizer apenas para aqueles com comorbidades”, reforça.

Questionada sobre a visão geral da vacinação em relação aos demais municípios do RS e do Brasil, Tatiane avalia que Bento ficou “dentro de uma média”. “Alguns municípios chegaram aos 18 anos antes, outros ainda não chegaram. Algumas ações apresentaram resultados bem positivos em Bento, outras nem tanto”, avalia. Na opinião da secretária, o que determinou a velocidade da vacinação no município foi o sistema drive-thru, adotado em grande parte das etapas. “Conseguimos vacinar uma quantidade muito grande em pouco tempo. Nas unidades de saúde, por exemplo, conseguimos vacinar cerca de 200 a 260 pessoas por dia. Com o drive-thru, tivemos ocasiões em que vacinamos 500 pessoas em 20 minutos”, exemplifica. 


Foto: Júlia Milani/SERRANOSSA
 

Agora, a secretária afirma que o município está organizando as próximas ações para que seja possível avançar na aplicação da segunda dose e reduzir o número de faltantes, principalmente em relação à primeira aplicação. 

Próximas etapas

A secretaria de Saúde de Bento Gonçalves irá realizar mais um drive-thru da vacinação contra a COVID-19 nesta terça-feira, 24/08, das 17h às 20h, na Fundaparque. O objetivo é abranger todas as pessoas, a partir de 18 anos, que por algum motivo ainda não receberam a primeira dose do imunizante. 

É necessário apresentar documento com foto, cartão SUS e cadastro preenchido, que pode ser acessado neste link.

Já na quinta-feira, 26/08, será realizada a vacinação da segunda dose Astrazeneca das pessoas que realizam a primeira dose nos dias 07, 08 e 09 de junho. O drive-thru, também acontece na Fundaparque, mas com horário ampliado, das 16h às 20h. É necessário apresentar documento com foto e o cartão entregue no dia da vacinação.
 

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.