Bento volta atrás e comprovante de vacinação não poderá ser exigido em atividades de alto risco

Na terça-feira, 05/10, o SERRANOSSA havia publicado uma matéria falando sobre a adesão do município de Bento Gonçalves aos novos protocolos divulgados pelo Estado na sexta-feira, 01/10. Entre os principais deles, estava a exigência do comprovante de vacinação para atividades de alto risco de contaminação pelo Coronavírus, como eventos sociais, infantis e de entretenimento; casas noturnas; competições esportivas; feiras e exposições corporativas e similares; shows, cinemas, teatros, casas de espetáculos e similares; parques temáticos e de diversão e similares. O decreto aderindo aos protocolos havia sido publicado ainda na sexta. 

Nesta quinta-feira, 07/10, entretanto, o município voltou atrás e decidiu acatar os protocolos regionais estipulados pela Associação dos Municípios da Encosta Superior do Nordeste (Amesne). Neles, há modificações nas medidas do Estado como a extinção da proibição de consumo de alimentos e bebidas nos pátios dos postos de combustíveis; o distanciamento de somente 1 metro entre as pessoas em feiras e nos salões de beleza e de 2 metros em shows; o aumento do número de pessoas permitidas por mesa nos estabelecimentos alimentícios e a extinção da exigência de passaporte vacinal para acesso a determinados estabelecimentos.

O novo decreto, de número 11114/2021, foi publicado nesta quinta-feira, 07/10, no Diário Oficial do município.

 

 

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.