Calendário Afro é lançado pela Sociedade 20 de Novembro em Bento

As datas históricas são referências a diversos fatos que marcaram a trajetória da humanidade. Nesta linha do tempo, diversos grupos da sociedade exerceram o seu direito de questionar, de criticar, de reivindicar seu lugar de espaço e de fala. E a história do povo negro traz essa luta contra a opressão e o preconceito. Pensando nesse percurso de lutas e conquistas, a Sociedade 20 de Novembro lançou na noite de terça-feira, 16/11, o Calendário Afro, que traz um mosaico de personalidades e de acontecimentos que se tornaram símbolos contra o preconceito racial.

Na publicação, estão diversas informações como nascimento e morte de personalidades, entre as quais a escritora Carolina Maria de Jesus, a política Benedita da Silva, o maestro e compositor Pixinguinha, a intelectual Lélia Gonzalez, além de fatos históricos como a aprovação da Lei Afonso Arinos estabelecendo a discriminação racial como contravenção penal, em 1951; fatos políticos de países africanos; fatos religiosos; entre outros aspectos da cultura negra.

A diretora cultural da Sociedade 20 de Novembro, Elisângela Fontoura, ressalta o caráter pedagógico da iniciativa. “O calendário foi pensado para auxiliar os professores no desenvolvimento de atividades sobre história e cultura afrodescendente, não somente no mês de novembro, mas ao longo do ano inteiro, para desenvolver um trabalho de forma significativa”, pontua.

A arte do calendário foi montada pela equipe da Sociedade 20 de Novembro a partir de desenhos, pinturas, esculturas e fotos de artistas locais, professores e estudantes da rede pública municipal e estadual, fotógrafos, desenhistas, todos engajados na promoção da cultura afrodescendente. Figuram nomes como Bruna Ferreira, Rafael Martins da Costa, Ana Júlia Mattos Cassel, Isabele Quintana, Emanuel dos Santos Borges, Zinara Siqueira, Amanda Silveira, Denize Tosi e Aiana Luzzi.

O Calendário Afro será distribuído para escolas públicas de Bento Gonçalves. Já a comunidade em geral pode adquirir o exemplar pelo valor de R$ 30. A encomenda deve ser feita na secretaria da Sociedade 20 de Novembro ou por meio do telefone (54) 99710 4269. 

O lançamento do Calendário Afro da Sociedade 20 de Novembro faz parte da programação do Mês da Consciência Negra, que é realizada pela Prefeitura de Bento Gonçalves, Secretaria de Cultura, Movimento Negro Raízes, Sociedade 20 de Novembro, Conselho Municipal de Povos Tradicionais de matriz Africana, Conselho Municipal de Política Cultural, Museu do Imigrante e Instituto Federal do RS – Campus Bento.

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.