Casais da região compartilham paixão por viajar e decidem explorar o mundo a dois

Ivane Fávero e Rômulo Freitas já conheceram 13 países juntos e seguirão na estrada neste Dia dos Namorados. Já Luiz Vinicius Canei e Tais Ires Rancan irão embarcar em breve em uma viagem pelo mundo em seu motorhome

Amar é compartilhar. Compartilhar bons sentimentos, momentos e experiências. É sobre, mesmo se tratando de opostos, encontrar consenso entre a melhor forma de viver aquela vida, a dois. Na Serra Gaúcha, dois casais têm unido uma paixão em comum para trazer um gostinho a mais ao relacionamento.

Juntos, a turismóloga Ivane Fávero e o advogado Rômulo Freitas já conheceram 13 países. E a lista não para de aumentar. Neste Dia dos Namorados, eles seguem em mais uma viagem pela linda Itália. O roteiro da vez se encerra no dia 30, em Portugal. A história dos dois viajantes apaixonados começou há alguns anos, quando o convite para um vinho despertou um sentimento inesperado em Ivane. “Um dia eu não pude participar de uma palestra que ele faria e o avisei por mensagem. Ele me respondeu: ‘me deves um vinho’. Eu achei uma afronta, porque não devo nada a ninguém, mas então ele complementou: ‘para bebermos juntos’. Fiquei sem saber o que responder, mas depois de um tempo aceitei e começamos a namorar”, recorda.

Hoje, casados há cinco anos, o relacionamento dos dois não poderia ser mais saudável. Ivane sempre teve paixão pelo mundo, tanto que, aos 18 anos, já tinha certeza da profissão que queria seguir. Ao escolher a faculdade de Turismo, as viagens começaram de forma natural, a trabalho. Mas quando descobriu que Rômulo compartilhava do mesmo amor pela estrada, uma linda aventura entre os mais diversos destinos do mundo teve início.

Rômulo já trabalhava como autônomo e Ivane decidiu deixar a função de gestora pública para que o casal pudesse se dedicar ao estilo de vida que mantém até hoje. Com os filhos já adultos e independentes, ficou mais fácil de colocar o pé na estrada. “Percebemos que poderíamos começar a nos dedicar não somente àquilo que fizemos a vida toda, que foi trabalhar, estudar e criar nossos filhos. Poderíamos nos dedicar ao nosso prazer, aprendizado e crescimento. Então começamos a viajar mais intensamente”, conta Ivane.

As aventuras vividas nos 13 países já visitados são retratadas no blog “Viajante Maduro”, que conta com mais de 60 mil seguidores no Instagram. Entre as viagens mais marcantes, esteve a Patagônia e o Marrocos, no deserto do Saara. “A pandemia nos trouxe o aprendizado de que é possível trabalhar e viajar. Então pretendemos seguir com esse estilo de vida, mantendo a relação familiar e nosso amor vivo”, comenta o casal. “Cada dia aprendemos que o mundo é belo, que as pessoas, em geral, são boas, e que a vida é boa e merece ser vivida com intensidade. Também aprendemos que não há um único jeito de se viver. Todas as formas devem ser respeitadas e entendidas. E, ainda, aprendemos que nos damos muito bem juntos”, finalizam os apaixonados, enquanto aguardam o próximo destino em um trem na Itália.

Viajando de casa

E que tal fazer do mundo o quintal de casa? É essa realidade que o casal Luiz Vinicius Canei e Tais Ires Rancan irá viver por tempo indeterminado. A cada dia, a paisagem da janela de casa, um motorhome, vai se modificando e trazendo uma descoberta diferente. O casal de Farroupilha irá sair da Serra Gaúcha nos próximos dias, com um roteiro flexível. A ideia é seguir sentido Foz do Iguaçu, subindo em direção ao Mato Grosso do Sul, chegando ao Amapá. Depois, descer pelo litoral gaúcho até o Ushuaia, na Argentina, com próximo destino ao Alaska. Isso, sempre parando no máximo de lugares possíveis entre os trajetos, a fim de conhecer os mais variados destinos.

Há sete anos vivendo a vida a dois, o casal conta que decidiu abandonar a estabilidade da rotina usual para passar os dias viajando após uma viagem de 20 dias ao Japão, em 2018. “Ali percebemos que seria impossível conhecer os lugares apenas com os 30 dias de férias que tínhamos por ano, pois nós gostamos de conhecer como é a vida no lugar e não apenas os seus pontos turísticos”, revelam.

Ao pesquisarem e testarem formas diferentes de viajar, Luiz e Tais perceberam que a melhor opção seria um motorhome. A escolha foi uma Sprinter 415 CDI 2015 Extra Longa, por ser um veículo maior e pela marca Mercedes garantir suporte nos mais diversos países pelos quais o casal pretende passar. O veículo foi montado em Santa Catarina, de acordo com o projeto elaborado pelo casal, contando com todas as principais necessidades e com os confortos que uma “casa” oferece.

“O maior desafio será superar um pouco do medo que temos no que se refere à segurança de viver viajando, mas nesse quase um mês que estamos vivendo dentro do motorhome, já estamos nos acostumando com esse estilo diferente de vida”, revelam. “E acreditamos que nosso maior aprendizado será conhecer novas culturas e pessoas de diferentes regiões. Será uma jornada muito bacana para ambos. Desde que alugamos nosso apartamento estamos aprendendo a viver com o mínimo possível. Desapegamos de tudo que não era essencial para viver e acreditamos que esse tenha sido o nosso maior amadurecimento nesse início de jornada”, finaliza o casal.

A aventura de Taís e Luiz pode ser acompanhada pelo Instagram e pelo Youtube “Viajo de casa”.

*Na edição impressa do jornal SERRANOSSA de sexta-feira, 10/06, foi divulgada a informação de que o casal Luiz Vinicius e Tais Ires já haviam iniciado viagem em seu motorhome. Entretanto, um incidente acabou atrasando a jornada dos dois. A expectativa é que a aventura inicie nos próximos dias.

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.