Celebração de Corpus Christi reúne mais de 4,5 mil pessoas no centro de Bento

Mais de 400 pessoas estiveram envolvidas com a confecção dos 41 tapetes de serragem e com a organização da Missa campal, celebrada em frente ao Santuário Santo Antônio

Foto: Divulgação

O Centro de Bento Gonçalves ficou movimentado nos últimos dias em que a comunidade celebrou a fé publicamente. No dia 13 de junho, mais de 8 mil pessoas passaram pelo Santuário Santo Antônio no dia festivo da 144ª Festa em honra ao Padroeiro do município. Já na quinta-feira, 16 de junho, quando a Igreja celebrou a Solenidade do Corpo e Sangue de Cristo, mais de 4,5 mil pessoas participaram da Missa campal e procissão com o Santíssimo Sacramento, segundo estimativa da Secretaria Municipal de Segurança Pública, que prestou apoio ao evento.

Ainda pela manhã, às 7h, mais de 400 voluntários se reuniram para confeccionar os 41 painéis de serragem, com temas eucarísticos, passagens bíblicas e histórias da devoção do povo a Santo Antônio, pela rua Marechal Deodoro. Foram utilizados 2,5 mil quilos de serragem colorida. O material foi tingido no sábado, 11 de junho, mas a mobilização para organizar as equipes de trabalho e montagem iniciou ainda no mês de abril.

Às 15h aconteceu a Missa campal, em frente ao Santuário Santo Antônio. A celebração foi presidida pelo pároco da Paróquia Santo Antônio, padre Volmir Comparin, e concelebrada pelos vigários paroquiais, padre João Roberto Masiero e Luís Carlos Conci. Em sua homilia, padre Volmir destacou que o Corpo de Cristo é ponto de união. “A Eucaristia não é feita para dividir grupos, mas para congregar. O Pão da Eucaristia é repartido para sermos mais irmãos. Do meu lado pode estar alguém que eu não gosto, mas com a Eucaristia eu devo aprender a gostar, aprender a repartir. Se isso não acontecer, não estamos entendendo o que Jesus quer, porque quando Ele diz: ‘fazei isso em memória de mim’, nos chama a nos identificarmos com Ele”, salientou.

Após o rito da comunhão, o padre João Roberto Masiero conduziu o ostensório com o Corpo de Cristo na Eucaristia pelas ruas, em procissão. A multidão seguiu pelas ruas General Gomes Carneiro, Barão do Rio Branco e Cândido Costa. Em frente ao prédio da prefeitura municipal, o cortejo adentrou novamente a rua Marechal Deodoro e passou sobre os tapetes montados desde a esquina da referida via, com a rua Júlio de Castilhos. Terminada a peregrinação, os padres concederam aos fiéis a bênção com o Santíssimo Sacramento.

Como gesto concreto, os fiéis foram convidados a doar alimentos não perecíveis, agasalhos e cobertores em todas as paróquias e comunidades da Diocese de Caxias do Sul onde se celebrou a Solenidade de Corpus Christi. Na Paróquia Santo Antônio, as doações realizadas ao longo da semana somaram quase uma tonelada de alimentos que foram encaminhados à Casa Pão dos Pobres, que atende famílias em situação de vulnerabilidade social.

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.