Defesa Civil segue monitorando nível de rios na região

Recomendação é que comunidade fique atenta aos avisos emitidos pela Defesa Civil do Estado. Até o momento, não há informação sobre inundações na região de Bento

Fotos: Divulgação/Prefeitura de Cotiporã

A Defesa Civil de Bento Gonçalves segue monitorando, na manhã desta terça-feira, 03/05, a situação dos rios da região. Até o momento, não há informação sobre inundações, mas o órgão recomenda que a comunidade fique alerta aos avisos emitidos pela Defesa Civil do Estado. O último aviso, publicado na tarde de segunda-feira, 02/05, afirmava que havia risco de transbordamento de rios na maior parte do RS. O alerta está em vigência até às 15h desta terça.

No Rio das Antas, entre Bento e Cotiporã, a ponte que liga os municípios ficou submersa ainda durante a tarde de segunda. Na manhã desta terça, o nível da água já encobria toda a estrutura (como mostram as fotos). Conforme informações da prefeitura de Cotiporã, estima-se que o rio tenha subido cerca de oito metros. Na última grande enchente em 2020, o nível chegou a subir cerca de 17 metros.

Em Santa Tereza, a prefeita Gisele Caumo divulgou um vídeo durante a noite de segunda tranquilizando a comunidade. Apesar de ainda haver a possibilidade de uma nova enchente, até o momento a situação estaria controlada. “A Defesa Civil está em contato direto com as estações pluviométricas. Qualquer situação inusitada, tenham a certeza que entraremos em contato com a população. Já temos um plano de ação traçado juntamente com a Defesa Civil para poder agir de forma antecipada, amenizando possíveis perdas”, afirmou.

Em entrevista ao SERRANOSSA na segunda, a prefeita informou que o Rio Taquari estava subindo de 20cm a 30cm desde a noite de domingo, 01/05.

Em caso de emergência, ligue 190 ou 193.

Dicas da Defesa Civil

Desligar os aparelhos eletrônicos e a chave geral.
Em caso de risco de raios, abrigue-se em uma casa, edifício.
Caso esteja em um veículo, não saia. Feche os vidros e não encoste nas partes metálicas.
Mantenha distância de objetos altos e isolados, como árvores, postes, quiosques, caixas d’água.
Afaste-se de objetos metálicos grandes e expostos, como tratores, escadas, cercas de arame.

Cuidados em casa:
Afaste-se de aparelhos e objetos ligados à rede elétrica, como televisores, geladeiras e fogões.
Afaste-se de janelas, tomadas, torneiras, canos elétricos e evite tomar banho.

Cuidados no trânsito
É necessário também manter o cuidado no trânsito, para evitar acidentes.
É aconselhável manter uma distância segura do veículo da frente, pois, com a pista molhada e escorregadia, à distância de frenagem do carro aumenta e facilita as colisões, principalmente em casos de freadas bruscas. Outro ponto de alerta é quanto à aquaplanagem, que também pode resultar em acidentes graves.

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.