Diretor da Caixa é encontrado morto na sede do banco em Brasília

Na noite de terça-feira, 19/07, foi encontrado o corpo do diretor de Controles Internos e Integridade da Caixa Econômica Federal, Sérgio Ricardo Faustino Batista, na sede do banco, em Brasília. Segundo a Polícia Civil do DF, a morte foi registrada inicialmente como suicídio. O corpo foi encontrado por um vigilante.

Ele era funcionário de carreira da Caixa, entrou para o banco em 1989, e assumiu a Diretoria de Controles Internos por processo seletivo em março de 2022. Em nota, Caixa manifestou pesar pela morte e disse que contribui para apuração do caso. “A CAIXA manifesta profundo pesar pelo falecimento do empregado Sérgio Ricardo Faustino Batista. Nossos sinceros sentimentos aos amigos e familiares, aos quais estamos prestando total apoio e acolhimento. O banco contribui com as apurações para confirmar as causas do ocorrido”, afirma a nota.

A Diretoria de Controle Interno e Integridade (DECOI), que Batista chefiava, é para onde são encaminhadas todas as denúncias recebidas pelo canal de atendimento criado pela Caixa Econômica Federal. As denúncias que chegam à diretoria são sobre qualquer tema, de corrupção a assédio sexual.

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.