Eduardo Luis Valduga: o primeiro piloto de balão da Serra Gaúcha

No próximo dia 23 de setembro, quando a terceira edição do Festival de Balonismo começar a colorir o céu de Bento Gonçalves, um morador da cidade estará no comando de um dos balões do evento: Eduardo Luis Valduga, de 38 anos, é o primeiro piloto de balão da Serra Gaúcha. Enólogo de formação, Valduga é conhecido pela paixão por voar: há mais de oito anos ele é piloto de avião e há três resolveu ampliar sua atuação pelos ares e obteve o certificado de piloto e instrução de voos de balão, após realizar cursos na Omega Balonismo, em Torres.


 

A paixão pelo balonismo iniciou quando ele voou de balão na maior feira da aviação do planeta, na cidade de Oshkosh, no estado de Wisconsin. “Eu vi a força de promoção de marca e beleza de cenário e isso provocou em mim o desejo de levar a Bento mais um atrativo e fonte de crescimento de nossa região”, explicou. “Hoje faço voos de aerodesporto na região e promovo o balonismo e a marca da Casa Valduga. Quero muito fazer uma provocação para que mais pilotos se formem e que promovam a prática na região”, pontua o piloto.

Atualmente, Bento já conta com uma média de 15 voos de balão por mês e Valduga sonha alto. “Nosso sonho é que nas décadas seguintes se tenha voos diários e dezenas de balões promovendo vinícolas e empresas de diversas naturezas na nossa região”, projeta. “O festival do Balonismo em Bento, além de ser uma festa incrivelmente linda, é exemplo de disciplina no comportamento social, já que mesmo durante a pandemia, o evento a céu aberto está sendo de grande sucesso”, completa.


 

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.