Escritor chama Serra Gaúcha de “brega” e “ridícula” e causa revolta

Eduardo Bueno causou a ira de moradores e recebeu manifestações duras dos prefeitos de Bento Gonçalves e Garibaldi

Foto: Al Hamdan/Divulgação

Polêmico por algumas opiniões ácidas, o historiador e escritor gaúcho Eduardo Bueno, o Peninha, se envolveu em uma confusão das grandes com a Serra Gaúcha. Em um vídeo publicado nas redes sociais, na segunda-feira, 31/10, Peninha usa expressões como “brega” e “ridículo” para descrever a região. “Não tem lugar mais brega, mais retrógrada, mais ridículo que a Serra Gaúcha. Nenhuma pessoal ‘cool’, ‘relax’ e nenhum rico de verdade vai naquela [palavrão]”, disse. A gastronomia da região também foi criticada. “Aquela comida horrorosa, caríssima, aquela arquitetura ‘bavarosa’, aquele espetáculo de Natal patético [referência ao Natal Luz de Gramado].”

O escritor também criticou os eleitores de Onix Lorenzoni (PL), candidato derrotado nas urnas por Eduardo Leite (PSDB) na disputa pelo governo do Rio Grande do Sul e que foi o mais votado em Bento e diversas cidades da Serra. “‘Vocês tem que pegar COVID’, não é um desejo meu, é um desejo dele [Onyx]. Você tem tudo, que votaram nele, pegar COVID, e aí curar não só com a nebulização com cloroquina, mas também com o ozônio anal”, completou.


Confira o vídeo do trecho em que Peninha cita a Serra Gaúcha:

No vídeo completo, o escritor também tece comentários polêmicos sobre Santa Catarina, São Paulo e Rio de Janeiro. Ele pode ser visto aqui: https://www.instagram.com/p/CkYO4OrAj9E/?hl=pt

O prefeito de Bento Gonçalves, Diogo Siqueira (PSDB), se manifestou pelas redes sociais, com duras críticas à Peninha e suas falas. Citando feitos da Serra, principalmente os de Bento, como a potência turística, com grandes indústrias e a vitivinicultura, Diogo até citou o dicionário de português.

Foto divulgada por Diogo com o manifesto

“Ontem à noite recebi um vídeo que circula nas redes sociais, em que o historiador Eduardo Bueno, o Peninha, chama o povo da Serra de brega. Certamente não li tantos livros quanto Peninha, então resolvi ir ao dicionário entender o significado de brega […] Vocês vão ficar boquiabertos quando souberem o que significa brega. Imaginem, pois, que brega é sinônimo daquele ‘que não tem maneiras elegantes ou revela pouco refinamento e mau gosto’. Agora que tenho plena certeza do significado da palavra, digo com todas as letras: tu és brega, Peninha! Porque não há nada mais brega que usar o prestígio que angariou, justamente como gaúcho, para falar mal da nossa região e do nosso Estado. Isso não é apenas brega, é também vexatório, desrespeitoso e antidemocrático”, escreveu.

E o chefe do Executivo continuou sua exaltação do povo da Serra e suas vitórias. “Somos filhos de gente batalhadora, que veio de baixo e trabalhou muito. Somos filhos de outras regiões que vieram para a Serra para lutar pela vida e buscar crescimento — os antepassados foram forjados em meio a rochas, morros e mata fechada — para produzir riqueza e prosperidade. Para gerar desenvolvimento econômico e social. Até mesmo para pagar a conta de pessoas como tu. Somos um povo honesto, trabalhador e hospitaleiro que merece muito, mas muito respeito”, concluiu.


Sérgio Chesini (PP), prefeito de Garibaldi, também se manifestou, chamando as falas de xenófobas. “Repudiamos o preconceito e o desrespeito contra um povo trabalhador e sério como o da Serra Gaúcha.
Repudiamos o desprezo a uma terra próspera, que gera riqueza para todo Estado — dando oportunidade e inclusão a muitas pessoas. Repudiamos a fala violenta e incitadora de ódio a um povo que acolhe a todos que aqui vêm visitar e criar raízes, que é a mais inclusiva e próspera do país. Repudiamos o roteiro vexatório e discriminatório contra cidades que recebem o mundo e levam o nome do Rio Grande para além de nossas fronteiras. Sua pequena régua moral, senhor Eduardo, não é nossa medida. Não use nossa gente e nossa história para seus gracejos políticos. O senhor não tem graça nenhuma. Mas.a generosidade do nosso povo saberá respeitar tamanho despautério e fanatismo. Respeite a Serra. Respeite o nosso povo. Pedi que a Procuradoria do Município estude medidas cabíveis contra este senhor.

Alguns moradores também comentaram a fala do escritor na publicação de Siqueira. “Ficamos com Pena do Peninha… Ele faz jus ao seu nome”, disse uma internauta. “@buenasideias ridícula tua postura. Nossa terra tem História, tem cultura, tem gastronomia e em cada prato que é servido aqui tem amor!”, escreveu outra.