Estado e Município afirmam que não exigirão comprovante de vacinação para volta às aulas

Tanto na rede estadual, quanto na municipal, o retorno às salas de aula está previsto para o dia 21/02, no modelo presencial

Foto: arquivo/SERRANOSSA

As aulas na rede estadual e municipal de ensino de Bento Gonçalves estão previstas para retornarem no dia 21 de fevereiro – com exceção das creches do município, que abrem as portas para os pequenos na próxima segunda-feira, 07/02.

Mesmo diante do aumento de casos da COVID-19, a volta à sala de aula será mantida no modelo presencial. Nas escolas do município, a secretaria municipal de Educação (SMED) afirma que haverá exceções para os alunos que apresentarem solicitação médica. Esses, poderão continuar estudando de casa, a partir do ensino remoto.  

Os protocolos de prevenção à COVID-19 serão basicamente os mesmos do último ano. No Estado, as principais orientações são: obrigatoriedade de máscara nas escolas; ambientes ventilados; higienização constante das mãos e incentivo à vacinação. No município, a SMED cita as mesmas recomendações e ressalta o distanciamento entre alunos e funcionários.

Tanto o Estado quanto o Município afirmam que não será exigida a comprovação da vacinação das crianças e dos adolescentes. “Estamos orientando e incentivando a vacinação das crianças, mas não será obrigatória a apresentação de comprovante vacinal. Nossos profissionais estão vacinados e mantemos as orientações de cuidados de prevenção”, afirma a secretária municipal de Educação, Adriane Zorzi. “A expectativa [da volta às aulas] é tranquila, uma vez que as escolas estão organizadas para este retorno. Os profissionais [estão] imunizados e orientados”, complementa.

Na rede estadual, a secretaria da Educação (Seduc) informa que a única exigência será a comprovação das imunizações obrigatórias e presentes no calendário nacional de vacinação para os estudantes que ingressam no 1º ano do Ensino Fundamental – o que já vinha sendo aplicado nos anos anteriores.

Todas as orientações sanitárias e protocolos da rede estadual de Ensino estão dispostas na portaria 05/2021, publicada de maneira conjunta pela secretaria da Educação e pela secretaria da Saúde do Estado (https://coronavirus.rs.gov.br/ensino).

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.