Fórum de Bento Gonçalves reivindica contratações

Trabalhadores do Judiciário estão sobrecarregados de trabalho e acabam sofrendo de doenças físicas e mentais, o que leva ao afastamento de cerca de 10% da categoria. Neste ano, três funcionários faleceram enquanto trabalhavam.

Segundo o oficial de justiça do Fórum de Bento Gonçalves, Claudemir Pires de Oliveira, o principal problema do Judiciário é a falta de funcionários, apesar de existir vagas disponíveis. São cerca de 1.800 para servidores e 2.400 para estagiários, mas concursos públicos não são realizados. De acordo com Oliveira, o Fórum ficará paralisado nas próximas quartas-feiras, dias 01, 08 e 15 de junho, como um sinal de alerta para a administração. “Se a situação não mudar, vamos parar por tempo indeterminado”, afirma. Além disso, os servidores reivindicam a reposição das perdas salariais que passam de 56%, a oferta de um Plano de Carreira e jornada de trabalho de sete horas.

Josiane Ribeiro

  

Siga o SerraNossa!

Twitter: http://www.twitter.com/serranossa

Facebook: Jornal SerraNossa

Orkut: http://www.orkut.com.br

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.