Homem é preso após importunação sexual a ciclista no Paraná

Na terça-feira, 28/09, a Polícia Civil do Paraná (PCPR) prendeu em flagrante um homem, de 19 anos, por importunação sexual contra uma mulher que estava andando de bicicleta, em Palmas, região Sudoeste do Estado. O crime ocorreu quando a vítima passava pela avenida Constantino Fabrício Silva Pinto e um ocupante de um veículo passou a mão no corpo da mulher. Com o ato, ela foi derrubada da bicicleta, sofrendo lesões corporais.

A Polícia Civil instaurou um inquérito policial e iniciou diligências para identificação do suspeito, que foi preso em flagrante horas após o fato no bairro onde mora, naquele município. O veículo também foi identificado e apreendido. Outros três ocupantes do veículo também já foram identificados. O caso segue sendo investigado pelos crimes de importunação sexual e lesão corporal.

Em depoimento à polícia, o homem negou o crime. “Segundo ele, ele já estava com o braço para fora do veículo e não se deu por conta que havia acertado a ciclista. Só que, na verdade, a gente verificou pelo vídeo que o indivíduo está com o braço recolhido, o veículo está do outro lado da faixa, faz a aproximação e então, nesse momento, a pessoa, indivíduo conduzido hoje preso em flagrante, que ele põe o braço para fora do veículo no intuito de importunar a vítima”, explicou o delegado Felipe Souza. 

De acordo com a Polícia Civil, os quatro ocupantes foram identificados. O motorista do veículo também deve ser indiciado após ser localizado. O delegado destacou que o crime de importunação sexual é grave e prevê pena de um a cinco anos de reclusão. “Sem contar o risco de que teve ali a vida da vítima, tendo em vista que ela veio a cair no chão e o veículo quase atropelou ela, poderia ter passado por cima do corpo dela.”, reforçou o delegado.
 

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.