Homem morto em Farroupilha no fim de semana esteve envolvido em agressão a jornalista em Garibaldi

Vinícius de Almeida Castro, de 26 anos, teria sido o responsável pela contratação do agressor de Daniel Carniel no dia 14/01. Ele foi morto a tiros no sábado, 28/05

Foto: arquivo pessoal

*Notícia atualizada às 16h30 do dia 30/05

Um dos envolvidos no episódio de agressão ao jornalista Daniel Carniel no dia 14/01, em Garibaldi, foi morto a tiros no município de Farroupilha no fim de semana. O crime foi registrado por volta das 6h30 de sábado, 28/05, no bairro São José, quando Vinícius de Almeida Castro, de 26 anos, foi atingido por diversos disparos de arma de fogo. Os tiros atingiram a região do pescoço, tórax e braços. Ele chegou a ser encaminhado para o hospital São Carlos, mas veio a óbito ainda no sábado.

Conforme a Polícia Civil de Garibaldi, a vítima teria tido envolvimento no crime contra o jornalista Daniel Carniel. Em coletiva de imprensa realizada em fevereiro, o delegado Clóvis Rodrigues de Souza havia revelado detalhes sobre a investigação da agressão, divulgando as iniciais das pessoas envolvidas. Vinicíus teria sido responsável por contratar e transportar o agressor até o local do crime.

Durante as investigações, a polícia cumpriu mandado de busca e apreensão em sua residência, onde foi apreendido o veículo utilizado no dia do crime e um telefone celular. Durante seu depoimento, Vinícius confessou ter sido contratado por Micael Carissimi, de 34 anos, pelo valor de R$ 1.500. Micael era braço direito do ex-prefeito de Garibaldi, Antônio Cettolin.

A Polícia Civil de Farroupilha investiga o assassinato de Vinícius. Já as investigações sobre a agressão do jornalista foram concluídas e remetidas ao Poder Judiciário.

“O caso está praticamente elucidado, fizemos diligências hoje e a princípio não tem motivação direta com o fato de Garibaldi. São fatos distintos, a princípio”, informa o delegado de Farroupilha, Éderson Bilhan.

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.