Jovem é morta a facadas pelo próprio pai em Torres

As testemunhas disseram à Brigada Militar que a jovem foi atingida durante uma briga na calçada

Uma jovem foi morta a facadas, na noite de terça-feira, 28/11, em Torres, no Litoral Norte. O pai dela, um homem de 57 anos, foi preso em flagrante e é apontado como autor do crime. O nome do suspeito não foi divulgado pela polícia.

De acordo com a Brigada Militar, uma guarnição foi chamada por volta das 22h30 até a rua dos Pescadores, no bairro Salinas, onde estaria ocorrendo uma briga. Ao chegar no local, encontraram moradores da região informando que um pai havia esfaqueado a própria filha após uma discussão. 


As testemunhas disseram à Brigada Militar que a jovem foi atingida durante uma briga na calçada. Em seguida, ela foi levada ao interior de uma residência e colocada em um sofá. O Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (SAMU) foi acionado e o médico atestou o óbito. 

Ainda conforme relatado por testemunhas para os policiais militares, o suspeito teria entrado na casa onde estava sua companheira, dito para a mulher que havia cometido o crime, abandonado a faca, o telefone celular e fugido pelos fundos da casa. Após buscas, o homem foi localizado escondido debaixo de uma pilha de madeira em um terreno próximo. 

Segundo a Brigada Militar, o suspeito estava alterado, investiu contra os policiais e precisou ser contido. 

Ele foi autuado em flagrante e teve pedida a sua prisão preventiva. De acordo com o delegado Marcos Vinícius Veloso, todas as perícias pertinentes ao caso foram realizadas, além de coletados depoimentos a fim de elucidar o crime.

 Conforme a Brigada Militar, o homem tem antecedentes por ameaça, injúria, lesão corporal, receptação, perturbação do sossego, vias de fato e descumprimento de medida protetiva contra a esposa.