Justiça determina adequadação dos médicos em greve

 A 2ª Vara Cível de Caxias do Sul divulgou nesta semana a decisão acerca da greve dos médicos no município, que compromete atendimentos desde o mês de abril. Segundo o Procurador Geral do Município, Lauri Romário Silva, a justiça intimou o Sindicato Médico a cumprir a determinação do Tribunal de Justiça, datada de 10 de maio, de que é necessário haver 100% dos atendimentos de urgência e emergência com a totalidade dos médicos em expediente e 100% dos demais atendimentos com metade dos profissionais. “A greve pode continuar, é um direito constitucional. Mas é necessário eles se adequarem ao que prevê a lei e é o correto”, explica Silva. Segundo ele, a multa em caso de descumprimento da decisão é de R$ 20 mil diários e deveria ser paga pelo sindicato da categoria.
A exemplo da última semana, o SerraNossa tentou novamente contato com o Sindicato dos Médicos de Caxias do Sul. Até o fechamento desta edição, nenhum representante que pudesse conceder entrevista sobre o assunto atendeu ou retornou as ligações.

Greice Scotton

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.