Juventude não resiste ao Inter

Depois de cinco vitórias seguidas no Gauchão, o Juventude chegou ao seu limite. Em um grande jogo no Estádio Alfredo Jaconi, o time alviverde foi derrotado pelo Internacional por 2 a 1 e encerrou assim sua participação no Gauchão. Agora o foco se volta todo para a disputa da Série D do Campeonato Brasileiro. Já o colorado encara o Grêmio na decisão do turno.

No jogo deste domingo, só golaços. O primeiro foi do argentino Bolatti, que acertou um lindo chute da entrada da área no ângulo de Jonatas, aos 19 minutos da etapa inicial. Minutos depois, Fred, do Juventude, teve a oportunidade na cobrança de falta e não desperdiçou. Mais uma bola no ângulo e empate no placar: 1 a 1.

Na segunda etapa, mesmo com Bolatti sendo expulso, o Inter foi melhor. Depois de Rodrigo perder grande oportunidade, Rafael Pereira salvou em cima da linha a cabeçada de Bolivar. Na sequência, Oscar acertou o travessão. O time de Falcão chegou a vitória depois de grande jogada de Leandro Damião pela direita. O lance resultou no gol de Tinga, que havia entrado minutos antes. Nos instantes finais, Cristiano ainda desperdiçou chance clara para empatar o confronto.

No final, aplausos do torcedor para os jogadores do Juventude. Além de uma demonstração de respeito, a papada valorizou a recuperação da equipe. O Juventude encerrou a participação no Gauchão conquistando o título do interior e sendo detentor da terceira melhor campanha de toda a competição.

Maurício Reolon 

Siga o SerraNossa!

Twitter: http://www.twitter.com/serranossa

Facebook: Jornal SerraNossa

Orkut: http://www.orkut.com.br

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.