Luiz Carlos Bohn é empossado como presidente do Sistema Fecomércio-RS para gestão 2022-2026

“Temos muito trabalho pela frente, mas estamos prontos para fazer mais e melhor”, disse o presidente do Sistema Fecomércio-RS/Sesc/Senac, Luiz Carlos Bohn, ao assumir a diretoria da entidade para a gestão 2022/2026. O empresário, que inicia seu terceiro mandato à frente da entidade, tomou posse junto com a nova Diretoria na noite desta segunda-feira, 18/07.  

Foto: Divulgação

Em seu discurso de posse, Bohn falou sobre as metas alcançadas nos dois mandatos anteriores, como a consolidação financeira do Sistema, a construção da nova sede e a reforma administrativa com a seleção de uma equipe de alto nível que pudesse implementar as decisões da Diretoria de forma eficiente. 

O presidente também destacou a participação da Fecomércio-RS no debate público sobre as questões relevantes para o empresariado gaúcho. “Fico feliz em olhar para trás e dizer que nós, eu, meus vice-presidentes e diretores, conseguimos atingir a todos esses objetivos. Fico orgulhoso em ver que conseguimos atingir tudo isso mesmo tendo que passar pelo desafio de uma pandemia. Enfrentamos a pandemia sem parar de trabalhar! Nossos resultados dependeram de muito trabalho e esforço de todos nós em prol dos empresários e da sociedade gaúcha”, disse.

Mais importante do que falar dos anos passados, Bohn afirmou que quer olhar para frente e planejar o futuro da entidade para os próximos quatro anos. Ele destacou os três principais eixos de atuação da nova gestão, começando pelo Programa Recuperação de Sindicatos. O presidente afirmou que a nova gestão reconhece a importância, em termos de representatividade política, que a existência de uma base sindical ampla confere à Fecomércio-RS. “Estamos propondo e criando novos serviços para os sindicatos que formam a nossa base, gerando apoio para um novo modelo sindical. Estaremos juntos, com os esforços visando à reformulação dos sindicatos filiados, de forma a termos entidades viáveis e representativas do empresariado gaúcho”, destacou.

O segundo eixo de ação passa pela intensificação das atividades e da participação da Federação no debate público do Estado e do País, principalmente em 2022, que será um ano de Eleições. “É preciso que fique claro para todos que a nossa entidade não tem partido. Mas isso não significa que não tenhamos atuação política. Temos posicionamento”, afirmou taxativo. 

No terceiro eixo de atuação, a nova gestão pretende estabelecer canais de ligação e de serviços entre a Fecomércio-RS e as empresas gaúchas. Além do papel de representar e defender os interesses dos empresários do setor terciário, a entidade quer ser cada vez mais atuante no auxílio direto ao crescimento das empresas, através de projetos como o Lab Fecomércio, que viabiliza acesso à tecnologia avançada para empresas e sindicatos.

Bohn também destacou o importante papel de Sesc e Senac, braços sociais da entidade. “Por meio de diversas ações em todo o estado também teremos uma série de entregas previstas para a comunidade. Nossa meta é continuar oferecendo educação de qualidade, desde a educação infantil, ensino fundamental, médio, superior e educação de jovens e adultos, além de ações de saúde, cultura, lazer, convívio social e bem-estar para o maior número de gaúchos”, finalizou.

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.