Mãe doa mais de 38,5 litros de leite ao Banco de Leite AMA Tacchini

Franciele Di Domenico bateu recorde de doação ao Banco de Leite, em 75 dias

Quando o pequeno Enzo Di Domenico Felippi Chiella veio ao mundo, no dia 15 de abril de 2022, em uma Sexta-feira Santa, ele tinha apenas 34 centímetros de altura e pesava 855 gramas. E enquanto ele ainda busca se desenvolver e ganhar peso na UTI Neonatal do Hospital Tacchini para ir para casa, sua mãe, Franciele Di Domenico, utiliza o tempo no hospital para fazer o bem e quebrar recordes. Em 75 dias, ela doou  mais de 38,5 litros de leite materno ao Banco de Leite AMA Tacchini.

O volume é, de longe, o recorde recebido pela instituição por uma doadora única. A segunda maior doação foi de 14,05 litros. Somente com o leite coletado por Franciele, é possível alimentar integralmente todos os bebês da UTI Neonatal do Tacchini por 25 dias. 

“Eu nem imaginava que eu teria a possibilidade de amamentar desde o início. Na prematuridade, às vezes o corpo demora a entender que o bebê nasceu. Por mais que eu não esteja na minha cidade, com meu bebê em casa, eu estou ajudando  outras mães que não conseguiram produzir leite suficiente para amamentar seus bebês.  Eu fico muito feliz em poder ajudar. Vou sair daqui e vou poder dizer que fiz uma boa ação na minha estadia no Tacchini”

Superprodução

Franciele conta que a superprodução de leite começou no dia seguinte ao parto. De acordo com ela, o estímulo inicial fez toda diferença. No sábado de Aleluia, dia 16 de abril, ela já fez sua primeira doação ao AMA Tacchini.

Com o passar dos dias, a produção foi aumentando e as visitas ao banco de leite também. Durante a maioria dos últimos 75 dias, a mãe de Enzo realizou quatro doações por dia, no próprio banco de leite. Além disso, ela ainda realizava uma quinta retirada em casa, à noite, para evitar dores nas mamas causadas pelo acúmulo de leite. 

Hoje, já amamentando o filho pelo menos 8 vezes por dia, ela segue com as doações. Pelo menos duas vezes por dia ela sai por alguns minutos do leito onde Enzo está internado para coletar leite. 

“Cada gota de leite tem um valor inestimável. Mas a Fran é uma exceção e nós somos extremamente gratas pelo gesto dela. Com certeza ela será lembrada para sempre pela nossa instituição”, descreve a nutricionista do AMA Tacchini, Graziela Zortéa. 

Doações continuarão

E a tendência é que o recorde de 38,5 litros doados aumente ainda mais. Enzo, que agora está em fase final de recuperação (com 1,84 kg, ele precisa chegar até 2kg para receber alta) deve ir para casa em breve. Todavia, mesmo depois disso, a produção de leite de Franciele deve continuar e suas doações ao AMA Tacchini também.

Moradora de Guaporé, ela conta com a parceria entre Secretaria de Saúde e Banco de Leite para realizar a coleta das doações em domicílio.  

Como contribuir

Para saber mais detalhes sobre como fazer a doação ou para agendar a coleta domiciliar, basta entrar em contato pelo telefone (54) 3055 0303  ou pelo whatsapp (54) 9237-1842. O Banco de Leite Ama Tacchini funciona todos os dias, das 8h às 18h mediante agendamento.

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.