Mesmo com problemas de saúde, Papa Francisco afirma que não irá renunciar

O pontífice tem passado por tratamento para curar uma pequena fratura no joelho e, em sua maioria das vezes, tem se locomovido de cadeira de rodas

Foto: REUTERS/Guglielmo Mangiapane

Em entrevista concedida para a agência de notícias Reuters nesta segunda-feira, 04/07, o Papa Francisco afirmou que não pensa em renunciar a função tal qual seu antecessor Bento XVI fez, em 2012.

Sobre os boatos de renúncia, Francisco disse que isso são apenas rumores. “No momento, eu não penso em renunciar. Todas essas coincidências fizeram alguns pensar que essa ‘liturgia’ está pronta. Mas isso nunca me passou pela cabeça. No momento não, não mesmo”. Os boatos ganharam força após o Papa sofrer de alguns problemas de saúde, principalmente no joelho direito.

Segundo Francisco, ele está com uma “pequena fratura” após ter feito um passo em falso enquanto um dos ligamentos do joelho direito estava inflamado. “Estou bem, estou lentamente melhorando”, afirmou, ainda contando que está fazendo tratamento com laser no local.

Questionado se mudaria de ideia caso os problemas de saúde avançassem, Jorge Mario Bergoglio, nome de batismo do Papa, disse que tudo será analisado a partir do que a situação apresentar. “Mas não sabemos, Deus dirá”, destacou.

Na entrevista, o pontífice, que está de viagem marcada para o Canadá, ainda disse que pretende visitar Kiev, capital da Ucrânia, e Moscou, capital da Rússia, em breve.

Fonte: Reuters e Uol

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.