Ministério do trabalho tenta mediar acordo

Muitos discursos, ofensas políticas e pessoais, opiniões e teses, mas nenhuma solução concreta. Depois de quase quatro horas, a audiência públicada Comissão de Saúde e Meio Ambiente realizada nesta segunda-feira na Câmara de Vereadores trouxe poucos resultados positivos para a atual situação da saúde em Caxias do Sul. A única decisão realmente proveitosa foi tomada pelo Procurador Geral do Município, Vanius Corte, que propôs assumir o papel de mediador de um encontro entre os sindicatos Médico e dos Servidores Municipais (Sindiserv), o Conselho Municipal de Saúde e a Secretaria da Saúde. O novo debate foi marcado para esta quarta-feira, dia 25, às 9h, na sede da Gerência Regional do Ministério Público do Trabalho e Emprego (MPE).

Durante a audiência comandada pelo vereador e presidente da comissão, Renato Oliveira/PCdoB, o presidente do Sindicato dos Médicos Marlonei Santos se disse insatisfeito pela ausência da única pessoa que poderia decidir alguma coisa, ou seja, o prefeito José Ivo Sartori. Mesmo afirmando estar disposto a conversar e acabar com a greve, Marlonei diz que período da greve deve ser prorrogado. Caso a situação tome rumos judiciais sua expectativa é de uma definição somente em 2015.

Já a secretária de saúde de Caxias do Sul, Maria do Rosário novamente questionou a viabilidade da pedida salarial dos médicos. Com base na última determinação da Justiça, observou que, no mínimo, 50% do efetivo de médicos precisa estar à disposição para suprir todas as consultas de urgência, nas UBS. Os outros 50% teriam que ficar nas unidades, ainda que em greve.

A secretária também anunciou que 100 relógios-pontos serão instalados nas UBS, a fim de registrar a jornada de trabalho dos médicos. Segundo o Sindicato Médico, a greve atinge 50% dos profissionais. A categoria reivindica que o salário-base passe dos atuais R$ 2.257,00 para R$ 9.188,00. Em um primeiro momento a pedida seria por um abono de 60%. 

 

Maurício Reolon

Siga o SerraNossa!

Twitter: http://www.twitter.com/serranossa

Facebook: Jornal SerraNossa

Orkut: http://www.orkut.com.br

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.