Ministra Anielle Franco relata ameaças e pede escolta policial

O Ministério da Justiça informou que recebeu o pedido de Anielle e vai acionar a Polícia Federal para iniciar as investigações

Foto: Agência Brasil/Divulgação

A ministra da Igualdade Racial, Anielle Franco, acionou o Ministério da Justiça para apurar ameaças e ataques de ódio dirigidos a ela nas redes sociais, desde o início da semana Anielle também solicitou proteção policial e escolta enquanto durarem as ameaças.

O Ministério da Justiça informou que recebeu o pedido de Anielle e vai acionar a Polícia Federal para iniciar as investigações.


O Ministério da Igualdade Racial informou que os ataques se intensificaram após a repercussão da agenda da ministra no último domingo, 24/09, quando ela teve compromisso oficial na final da Copa do Brasil, que ocorreu em São Paulo.

Na ocasião, Anielle participou da assinatura de um acordo com a Confederação Brasileira de Futebol para ações de combate ao racismo.

Depois da partida, uma assessora da ministra publicou nas redes sociais fotos com deboches e ataques à torcida paulista. O Ministério da Igualdade Racial demitiu a assessora na terça-feira, 26/09.