Novos médicos plantonistas relatam sobre o início dos trabalhos na UPA

No último fim de semana quatro profissionais iniciaram o trabalho na unidade, contratados por meio de processo seletivo

Foto: Rodrigo de Marco

No último fim de semana, quatro novos médicos iniciaram o trabalho na Unidade de Pronto Atendimento (UPA), no bairro Botafogo, em Bento Gonçalves. Os novos profissionais foram contratados através de processo seletivo de médicos plantonistas e chegam para suprir a demanda de profissionais da saúde do município.

A médica cubana Juana Silvia Ruiz reside no Rio Grande do Sul há pelo menos sete anos, e foi uma das profissionais que iniciaram os atendimentos no final de semana. “Atender a população que precisa faz toda a diferença, e eu tento sempre fazer o meu melhor. No meu primeiro final de semana de trabalho eu pude notar a rapidez dos colegas. As minhas solicitações foram atendidas rapidamente. Toda equipe trabalha de forma dinâmica, e isso faz toda a diferença quando se trabalha num plantão”, comentou.

A médica mineira Patrícia Novak, que há pouco mais de 20 dias chegou ao Rio Grande do Sul, disse ter se sentindo acolhida e muito bem recebida pela equipe de trabalho: “ao chegar na UPA fui muito bem acolhida pelas equipes (médica, enfermagem e pela parte administrativa). Nos atendimentos fui surpreendida pelo carinho com que os paciente tiveram comigo neste primeiro contato. E isso continuou a se repetir nos dias seguintes de trabalho, o que me fez sentir confiante e grata pela oportunidade de estar dividindo o meu conhecimento com outras pessoas a minha volta, e assim podendo ajudar a população da região de uma forma geral.”

O coordenador médico Felipe Marques de Oliveira também salientou sobre o início dos trabalhos dos novos médicos: “Esses médicos chegam para somar nesse momento em que houve um aumento da demanda de atendimentos, e a equipe por vezes ficou sobrecarregada. Sem dúvidas isso vai complementar para melhorar o atendimento da população e diminuir o tempo de espera”.

O médico pediatra Norberto Foster comentou sobre o reforço dos novos profissionais e ressaltou sobre os cuidados necessários que se deve tomar nesta época do ano: “estamos chegando no inverno e as consultas médicas estão aumentando, principalmente os casos respiratórios. E para atender bem essa demanda, estamos com esse reforço, mais salas de atendimento, com a UBS Zona Sul aberta e recebendo a demanda dos últimos tempos. Em especial para as mães eu digo que nesta época do ano pode ocorrer um aumento de casos de síndrome respiratória e gripes, portanto os cuidados precisam ser intensificados”.

“Os médicos chegam num momento muito importante, onde temos um aumento na procura dos serviços de atendimento de urgência e emergência, tanto na UPA, quanto no PA Zona Norte. Desta forma, a gente consegue dar mais agilidade no atendimento da população que nos procura. Portanto, esses médicos chegam num momento extremamente importante e significativo, e tendo um vínculo direto com a Prefeitura, o que é muito importante”, complementou a secretária de Saúde, Tatiane Fiorio.

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.