OAB divulga nota de esclarecimento sobre a vinda do ministro Fux a Bento

Subseção de Bento argumenta que “Democracia é feita pelo diálogo” e afirma que tem o “compromisso e a obrigação institucional de oportunizar à comunidade a chance de ouvir e ser ouvida”

Foto: Felipe Sampaio/STF

Após a repercussão sobre a vinda do ministro do Supremo Tribunal Federal (STF) Luiz Fux à Bento Gonçalves, a Ordem dos Advogados do Brasil, subseção de Bento Gonçalves, divulgou uma nota de esclarecimento. Nela, o órgão defende o encontro com o líder do judiciário brasileiro como uma oportunidade única de debate. “A Democracia é feita pelo diálogo”, argumentou a OAB, complementando que tem o “compromisso e a obrigação institucional de oportunizar à comunidade a chance de ouvir e ser ouvida”.

A palestra com Fux será realizada no dia 3 de junho, às 19h30, no Spa do Vinho, voltado à comunidade jurídica. Serão 150 ingressos disponibilizados e, caso as vagas não sejam preenchidas, a venda de ingressos a R$ 50, será aberta para a comunidade em geral.

Confira a nota na íntegra

NOTA DE ESCLARECIMENTO

A Ordem dos Advogados do Brasil, Subseção de Bento Gonçalves/RS, entidade APARTIDÁRIA e APOLÍTICA, vem se manifestar quanto a repercussão da vinda do Presidente do Supremo Tribunal Federal, Ministro Luiz Fux, à nossa cidade.

A Democracia é feita pelo diálogo, a oportunidade de ouvir e ser ouvido, bem como de termos o representante máximo do Judiciário Nacional em Bento Gonçalves é um momento ímpar para nossa sociedade. Independentemente de sentimentos e interesses políticos, concordâncias e discordâncias sobre posicionamentos do Supremo Tribunal Federal, a Ordem dos Advogados do Brasil tem o compromisso e obrigação institucional, como entidade fiscalizadora e protetora dos ditames constitucionais, de oportunizar à comunidade a chance de ouvir e ser ouvida.

A possibilidade de acompanharmos o representante do mais alto escalão do Poder Judiciário Nacional é salutar, da mesma forma que seria um privilégio para nossa sociedade receber o Presidente da República, do Senado e da Câmara dos Deputados, assim como qualquer outro representante de instituição e/ou entidade representativa para a sociedade brasileira.

Como já dizia Voltaire: “Posso não concordar com nenhuma das palavras que você disser, mas defenderei até a morte o direito de você dizê-las.”

TODOS, SEM EXCEÇÃO, devem ser ouvidos! A pluralidade de opiniões é salutar para uma sociedade democrática, independente de cargo ou posição social, mas principalmente para que possamos também questionar e apresentar contrapontos, com fundamento e clareza.

Desta forma, respeitando as instituições desse País, bem como quem as representa, e principalmente, oportunizando à sociedade bentogonçalvense, de forma democrática, livre e plural, estamos sustentando a vinda do Presidente do Supremo Tribunal Federal para que fale à nossa comunidade e ouça nossos questionamentos.

Bento Gonçalves/RS, 25 de maio de 2022.

Rodrigo Terra de Souza
Presidente da Subseção

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.