Operação desarticula grupo especializado na venda de bebidas irregulares

Foram cumpridos seis mandados de busca e apreensão nesta quinta-feira, 17/03, sendo cinco em Caxias do Sul e um em Canoas

Foto: Divulgação/Polícia Federal

A Polícia Federal, em conjunto com a Receita Federal do Brasil e o Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento, deflagrou na tarde desta quinta-feira, 17/03, a Operação Calice III, com o objetivo de desarticular um grupo criminoso dedicado à venda de bebidas de origem estrangeira irregularmente internadas no país. Foram cumpridos seis mandados de busca e apreensão, sendo cinco em Caxias do Sul e um em Canoas.

Também participaram da operação fiscais da secretaria municipal do Urbanismo de Caxias do Sul, para verificar a regularidade de funcionamento do estabelecimento comercial no município.

Até o momento, duas pessoas foram presas em flagrante e uma grande quantidade de bebidas alcoólicas foi apreendida. As investigações iniciaram em janeiro de 2021, a partir de notícia-crime apresentada pelo Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento.

O grupo criminoso realizava as vendas em pelo menos duas lojas, uma em Caxias do Sul e outra em Canoas, operando sob nome fictício e se utilizando de interpostas pessoas para a movimentação dos valores recebidos.

Os investigados, em tese, responderão pelos crimes de descaminho, associação criminosa e “lavagem” ou ocultação de bens, direitos e valores.

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.