Pagamento dos médicos contratados pela Araucária deve ser definido nos próximos dias

Em estado de greve após atrasos no pagamento dos salários por cerca de meio ano, os médicos terceirizados que atendem nos serviços públicos de saúde de Bento Gonçalves podem voltar a cruzar os braços neste final de semana. Conforme informado pelo presidente do Sindicato dos Médicos de Caxias do Sul, Marlonei Silveira dos Santos, as folhas referentes a janeiro ainda não haviam sido quitadas até a tarde da última quarta-feira, dia 10.

Essa era a data final estipulada para o pagamento, uma vez que há profissionais com vencimento mensal para o quinto dia útil e outros para o dia 10. “Algumas pessoas receberam em partes. Por isso, já enviamos uma notificação à prefeitura e à Fundação Araucária, dando 72 horas para que paguem integralmente, ou entraremos em greve à meia-noite de domingo”, anuncia o médico. 

Após reunião com a prefeitura nesta quinta-feira, dia 11, a Fundação Araucária confirmou o pagamento de 50% dos salários até a data. “Estamos negociando para receber outros valores. A administração municipal ainda tem quantias pendentes de novembro e dezembro”, afirma a responsável pela entidade, Paula Oliveira. A expectativa é que haja mais entradas na próxima semana, para a quitação das folhas. 

O secretário municipal de Finanças, Marcos Fracalossi, informa que R$ 1,9 milhão foi pago à Fundação Araucária em três partes, a última na quarta-feira. “Todos os valores pendentes foram pagos à fundação. Inclusive, iniciamos adiantadamente, no fim de janeiro”, garante o secretário. Cerca de 50% do montante é proveniente de recursos municipais e o restante de repasses estaduais e federais. “Até consideramos um percentual bom o pago pelo governo em relação aos meses anteriores, de 50%. Em janeiro, recebemos recursos referentes ainda a 2014, o que melhorou a condição do mês. Mas o ideal seria entrarmos com 35%”, conclui Fracalossi.

(Foto: Priscila Pilletti)

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.