Piloto de Garibaldi morre após acidente em campeonato

Samuel Ferla, conhecido como Samu, sofreu uma queda na 2ª etapa do Sul Brasileiro de Motovelocidade no domingo, 05/06. Ele chegou a ser socorrido, mas não resistiu aos ferimentos. Polícia Civil deverá investigar hospital de Viamão por negligência

Foto: arquivo pessoal

O piloto garibaldense Samuel Ferla, de 37 anos, morreu no domingo, 05/06, após acidente em um campeonato de motovelocidade no autódromo de Tarumã, em Viamão. A informação foi divulgada pelo perfil oficial do Sul Brasileiro de Motovelocidade.

Conforme nota do Sul Brasileiro, o piloto conhecido apenas como Samu sofreu uma queda durante a 2ª etapa do campeonato, “sofrendo impacto da moto no lado direito do quadril na 9 volta”. Samu teria sido atendido por uma equipe médica no local, e encaminhado para o hospital mais próximo em Viamão. “Piloto chegou consciente e sinais estáveis com queixa de dor no quadril. Ficou na triagem e avaliado previamente e apenas tratado com sedativos para dor e não tratado como gravidade pelo hospital, porque nenhum outro dado era relevante à equipe de plantão”, informou a equipe do campeonato.


Entretanto, após cerca de três horas de espera, ao fazer uma avaliação de imagem, o quadro do piloto não era mais reversível. “Já eram 19h20 e Samuel já havia perdido muito sangue, levando a parada cardíaca, falecendo perto das 21h30”, disse a equipe.

O Sul Brasileiro afirma que já foi aberto inquérito junto à Polícia Civil de Viamão para apurar as responsabilidades do óbito, “com todos os documentos e testemunhas”.

“Nada, mas nada mesmo irá mudar. Não teremos o pai Samuel, o filho Samuel, o amigo Samuel e o nosso piloto Samuel Ferla conosco. Nosso pesar à família e amigos pela perda. A motovelocidade está triste, o Sul Brasileiro de Motovelocidade está de luto”, finaliza.

Foto: arquivo pessoal