Prefeitura encaminha projeto que transforma talian em língua co-oficial de Bento

No dia em que são comemorados os 141 anos da imigração italiana no Rio Grande do Sul, a prefeitura de Bento Gonçalves encaminhou ao Legislativo um projeto que transforma o talian em língua co-oficial do município. O dialeto ainda hoje é falado por descendentes dos imigrantes italianos que chegaram a partir de 1875 ao Estado.

A assinatura do projeto ocorreu na manhã desta sexta-feira, dia 20, durante visita oficial da delegação de Alpago, da província de Belluno, comunidade italiana da região do Vêneto. “É um resgate histórico, uma dívida de Bento Gonçalves como todos aqueles que fundaram o município. Isso fará com que as futuras gerações se empenhem em manter o uso de algo que nos orgulha tanto, nossa raiz e tradição italiana”, diz o prefeito Guilherme Pasin.

Além de incentivar o conhecimento e a fala do idioma, o status de língua co-oficial permite, entre outras medidas, ensinar o talian nas escolas. Outros municípios da Serra Gaúcha já adotaram medida semelhante, como Serafina Corrêa, Flores da Cunha e Nova Roma do Sul.

(Foto: Carina Furlanetto)

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.