PRF atende grave acidente e faz dois flagrantes de embriaguez na BR-470, em Garibaldi

Um acidente no final da tarde de domingo, dia 31, no quilômetro 227 da BR-470 resultou em um homem de 47 anos gravemente ferido. Ele conduzia um Ford Escort, com placas de Garibaldi, que colidiu frontalmente com um ônibus de turismo, com placas de Cachoeira do Sul. O condutor do Escort ficou preso nas ferragens e foi socorrido pelas equipes dos Bombeiros Voluntários de Garibaldi e Samu e encaminhado ao Hospital Beneficente São Pedro, de Garibaldi. Embora consciente, ele sofreu lesões na cabeça e fraturas pelo corpo. O motorista e os passageiros do ônibus não se feriram.

De acordo com a Polícia Rodoviária Federal (PRF), o teste de etilômetro feito no condutor do Escort apontou 0,41 mg/L, acima do limite de 0,33 que culmina com a prisão do infrator. Porém, como o mesmo estava internado, o delegado plantonista não efetuou o flagrante, mas apenas o registro para, posteriormente, instaurar o inquérito devido. O resultado do teste feito no condutor do ônibus deu negativo.

O Ford Escort estava com licenciamento vencido desde 2008 e em mau estado de conservação, com pneus completamente lisos.

Embriaguez

Quase que simultaneamente ao atendimento do acidente, a equipe PRF desconfiou de um jovem de 21 anos que conduzia uma motocicleta Yamaha, com placa de Bento Gonçalves. Além de não possuir carteira de habilitação, ele apresentava visíveis sinais de embriaguez. O teste de etilômetro apontou 0,57 mg/L, bem acima do limite de 0,33 que resulta, não apenas na multa, mas como também na prisão, em flagrante, do infrator. Ao ser levado à DPPA de Bento Gonçalves, foi estipulada uma fiança de 2 salários mínimos. Como não foi paga, ele foi recolhido ao presídio. A motocicleta também estava com o licenciamento vencido desde 2015.

Foto: divulgação/PRF

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.