Sistema Integrado de Abastecimento de Água prevê captação de água do Rio das Antas

A Corsan apresentou na tarde desta sexta-feira, 20, o chamado de Sistema Integrado de Abastecimento de água da Serra, que beneficiará as cidades de Bento Gonçalves, Carlos Barbosa, Farroupilha e Garibaldi. O projeto, que prevê captação de água do Rio das Antas, está em fase de desenvolvimento e deverá garantir o fornecimento de água potável para os próximos 40 anos. As obras deverão ter início ainda em 2018, com previsão de entrega para 2022. "Nenhuma cidade se desenvolve sem água", destacou o diretor de Expansão, Marcus Vinicíus Caberlon. 

O investimento, na ordem de R$ 165 milhões, terá recursos serão obtidos por meio de financiamento junto ao Banco Internacional de Desenvolvimento (BID). O projeto surgiu a partir da necessidade de encontrar soluções regionais que atendessem as demandas da comunidade. 

As obras serão divididas em duas fases: produção e distribuição de água. A primeira delas, com investimento de R$ 100 milhões, deve ter obras iniciaras em outubro de 2018. A segunda fase terá etapas diferentes em cada município – outubro de 2018 em Bento Gonçalves, janeiro de 2019 em Farroupilha, abril de 2019 em Garibaldi e outubro de 2019 em Carlos Barbosa. Já estão em andamento os estudos de concepção para viabilizar pedido de licenciamento na Fepam e também já foi protocolado pedido de reserva hídrica (de 1m³/s) no Rio das Antas. "É um projeto plausível e importante para atender as várias comunidades", acrescenta Caberlon. 

Em Bento Gonçalves o reservatório será construído no bairro Planalto. O projeto prevê a duplicação da vasão, que hoje é de 400 litros/segundo. 

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.