Tacchini inicia obras de melhoria nas entradas do hospital

O Hospital Tacchini iniciou nesta semana as melhorias de toda sua entrada, incluindo a recepção principal e o Pronto Socorro. As obras, que têm previsão de entrega ainda em 2021, preveem a separação completa dos fluxos de atendimento aos casos respiratórios já na entrada da instituição, incluindo portas de entrada distintas.

A partir das mudanças, a pessoa que for identificada com algum sintoma respiratório será conduzida para uma sala isolada, onde receberá atendimento completo da equipe de saúde do Tacchini sem necessitar de deslocamento. A expectativa é que as melhorias de estrutura e mudanças de fluxo contribuam para agilizar as consultas, além de melhorar ainda mais a segurança e o conforto do paciente. 




 

Além do isolamento de pacientes com sintomas respiratórios, o projeto criado pela arquiteta Adriana Peccin prevê a instalação de sistema de pressão negativa em toda a recepção. A tecnologia renova o ar das salas continuamente, diminuindo os riscos de contaminação por doenças contagiosas transportadas via aérea, como sarampo, tuberculose, sars, mers e covid-19, por exemplo. 

Na parte externa, a área de circulação de veículos será ampliada e o sentido do fluxo passará a ser anti-horário. A mudança tem a intenção de proteger os pacientes de intempéries na hora do embarque e desembarque. O jardim e a área de convivência também devem receber melhorias. Além disso, uma escada de incêndio externa será instalada sem qualquer influência nas áreas de passagem. 

“A pandemia mudou a forma com que os fluxos de atendimento são pensados. A necessidade de isolamento de casos respiratórios é uma realidade que não vai se dissipar quando a pandemia chegar ao fim. Essa remodelagem das nossas portas de entrada está sendo feita para que estejamos preparados para essa nova necessidade”, avalia Hilton Mancio, superintendente do Tacchini Sistema de Saúde. 

Um plano de contingência foi criado para cada etapa da obra de renovação, a fim de que as alterações não interfiram na qualidade de atendimento, mesmo que o número de casos volte a aumentar no futuro.

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.