UBSs dos bairros Cohab e Fenavinho serão inauguradas no mês de fevereiro

Depois de uma longa espera, os moradores dos bairros Cohab e Fenavinho, enfim, poderão comemorar a inauguração de suas Unidades Básicas de Saúde (UBSs). Prevista inicialmente para entrar em funcionamento no começo do ano passado, a estrutura do bairro Cohab – única remanescente das chamadas “UBSs de lata”– deverá iniciar os atendimentos em fevereiro. No mesmo mês, também deve ser aberta a unidade do bairro Fenavinho. As datas, entretanto, ainda não foram divulgadas pela prefeitura. As novas UBSs devem contemplar, além dos moradores dos dois bairros, o atendimento que hoje é prestado pela unidade Vila Nova/Eucaliptos, que será reformada ainda no primeiro semestre.

Outras três UBSs, nos bairros Zatt/Ouro Verde, Tancredo Neves/Conceição e Vila Nova 2 (loteamento Arco-íris), estão com as obras em andamento. As construções contam com verba federal e o investimento total é de R$ 3 milhões, sendo R$ 1,6 milhão de recursos do município. A única cujos repasses já foram totalmente recebidos é justamente a do bairro Cohab, que já está concluída.

Além da unidade da Fenavinho, próxima da inauguração, a construção mais avançada é a localizada na divisa dos bairros Tancredo Neves e Conceição: o andamento da obra é estimado pela secretaria municipal de Saúde (SMS) entre 90% a 99%. A última a ser concluída deve ser a dos bairros Zatt e Ouro Verde (com 60% a 70% da construção já finalizada). Localizada na região Norte, é a maior das cinco unidades e foi projetada para ser ampliada no futuro, para abrigar duas equipes de Estratégia de Saúde da Família (ESF).

Projeto antigo

Das unidades de saúde, anunciadas desde 2011, na época do governo Roberto Lunelli, a do bairro Cohab é a única que segue o molde originalmente concebido. A estrutura metálica forrada com isopor precisou de várias adequações para poder funcionar como UBS. Devido ao estágio da obra, a administração do prefeito Guilherme Pasin optou por manter o formato

A unidade do Fenavinho, que já estava com paredes erguidas, foi desmontada. Nos bairros Vila Nova e Tancredo Neves/Conceição, os trabalhos estavam em fase inicial no momento da paralisação (em 2012) e foram retomados em alvenaria. Outras duas “UBSs de lata”, localizadas no interior, nos distritos de São Pedro e Vale dos Vinhedos, foram destinadas apenas para o funcionamento das subprefeituras.

 

Situação das UBSs

Zatt/Ouro Verde

Custo total da obra: R$ 854.978,44

Verba Federal: R$ 408.000,00

Verba da prefeitura: R$ 446.978,44

Valor já pago pelo governo federal: R$ 20.000,00

Valor já pago pela prefeitura: R$ 374.709,06

% da obra já concluída: 60-70%

Saldo do governo federal: R$ 388.000,00

Fenavinho

Custo total da obra: R$ 378.981,86

Verba Federal: R$ 200.000,00

Verba da prefeitura: R$ 178.981,86

Valor já pago pelo governo federal: R$ 20.000,00

Valor já pago pela prefeitura: R$ 167.287,47

% da obra já concluída: 90-99%

Saldo do governo federal: R$ 180.000,00

Tancredo Neves/Conceição

Custo total da obra: R$ 773.270,46

Verba Federal: R$ 400.000,00

Verba da prefeitura: R$ 365.270,46

Valor já pago pelo governo federal: R$ 40.000,00

Valor já pago pela prefeitura: R$ 317.457,61

% da obra já concluída: 90-99%

Saldo do governo federal: R$ 360.000,00

Vila Nova 2(Arco-íris)

Custo total da obra: R$ 554.438,48

Verba Federal: R$ 200.000,00

Verba da prefeitura: R$ 354.438,48

Valor já pago pelo governo federal: R$ 20.000,00

Valor já pago pela prefeitura: R$ 288.746,05

% da obra já concluída: 80-90%

Saldo do governo federal: R$ 180.000,00

Cohab

Custo total da obra: R$ 488.094,29

Verba Federal: R$ 200.000,00

Verba da prefeitura: R$ 288.094,29

Valor já pago pelo governo federal: R$ 200.000,00

Valor já pago pela prefeitura: R$ 88.094,29

% da obra já concluída: 100%

Saldo do governo federal: R$ 0,00

 

Fonte: secretaria municipal de Saúde

Fotos: Carina Furlanetto

 

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.