Vice-prefeito será indenizado após ser alvo de comentário homofóbico, em Santa Catarina

O vice-prefeito de Antônio Carlos, Filipe Schmitz (MDB), será indenizado por danos morais e receberá R$ 5 mil

Foto: Redes Sociais/Divulgação

O vice-prefeito de Antônio Carlos, Filipe Schmitz (MDB), será indenizado por danos morais e receberá R$ 5 mil, após uma mulher publicar ofensas homofóbicas em uma rede social.

Durante a campanha eleitoral de 2020, a internauta, moradora da Grande Florianópolis, escreveu em uma rede sociail: “O que vocês tem para oferecer? Um viado como vice kkkkk”. Além disso, nos comentários de uma postagem, a acusada ainda insinuou que o primeiro ato de Filipe, caso fosse eleito, seria um “movimento LGBT”.


Na sentença, a juíza Luciana Santos da Silva afirmou que os comentários foram feitos em um vídeo que falava sobre a vítima e que Filipe era da chapa de oposição a do irmão da acusada. Dessa forma, mesmo sem mencionar o nome da pessoa, fica claro na postagem a quem ela estava se referindo.

“As expressões foram proferidas com intenção de humilhar, desrespeitar, com intuito depreciativo e afrontoso à dignidade do ser humano, capaz de causar sofrimento”, afirmou a juíza.